Melhor Ferro de Solda de 2021: Guia de Compra Completo

Aqui, você confere tudo o que precisa para escolher o melhor ferro de solda para comprar. E aproveita para conferir os melhores produtos do mercado!

Então, continue lendo para conferir quais são os 6 Melhores Ferros de Solda de 2021: Guia de Compra Completo!

Melhores Ferros de Solda de 2021

Um ferro de solda é uma ferramenta manual utilizada na soldagem, ou seja, para unir dois objetos metálicos permanentemente, usando um metal diferente (solda), que tem um ponto de fusão mais baixo do que os componentes que estão sendo unidos.

  • Ferro de Soldar Foxlux – 127V – 60W
  • FERRO DE SOLDA 40 POWER 34W 127V
  • Hikari – Ferro de Solda, Prata
  • Tramontina 43752506, Ferro de Solda Tensão 127 V Potencia 70W, Preto
  • FERRO DE SOLDA 60 POWER 50W 127V
  • Ferro de Solda 34W 110V, Hikari, SC40P Plus, Prata
Imagem Ferros de Solda Detalhes
Ferro de Soldar Foxlux – 127V – 60W – Resistência de níquel-cromo – Cabo e plugue normatizado – Acompanha suporte
Ferro de Soldar Foxlux – 127V – 60W Melhor ferro de solda!
FERRO DE SOLDA 40 POWER 34W 127V
Ferro de Solda 40 Power 34w 127v Melhor ferro de solda custo benefício!
Ferro de Solda, Hikari, Prata
Ferro de Solda, Hikari, Prata Ele possui manopla com material isolante para evitar possíveis acidentes e choques.
Tramontina 43752506, Ferro de Solda Tensão 127 V Potencia 70W, Preto
Tramontina 43752506, Ferro de Solda Tensão 127 V Potencia 70W, Preto Garantia de praticidade e conforto!
FERRO DE SOLDA 60 POWER 50W 127V
Ferro de Solda 60 Power 50w 127v Possui tubo ventilado que dissipa o calor, garantindo maior durabilidade da resistência.
Ferro de Solda 34W 110V, Hikari, SC40P Plus, Prata
Ferro de Solda 34W 110V, Hikari, SC40P Plus, Prata O modelo proporciona menor consumo de energia e aquecimento rápido.

Há muitos ferros de solda disponíveis no mercado. Eles vêm em uma variedade de tamanhos e formatos.

A soldagem é o método básico de montagem de componentes eletrônicos em placas de circuito.

Por isso, essa é uma ferramenta muito utilizada por profissionais desse ramo. Muitos engenheiros eletrônicos iniciantes podem se perguntar qual ferro de solda vai funcionar para eles e, portanto, como escolher o melhor ferro de solda.

A escolha do ferro de solda depende dos projetos que você está planejando fazer, assim como a frequência com a qual você está planejando usá-lo.

Para ajudá-lo a explorar os diferentes modelos que existem por aí, nós elaboramos um guia de como escolher um ferro de solda.

Analisaremos algumas das opções específicas disponíveis para você e, ao mesmo tempo, daremos uma séria olhada em quais critérios você deve considerar quando se trata de que tipo de ferro de solda você deve adquirir.

O Que Comparar nos Ferros de Solda

Há uma série de parâmetros importantes de um ferro de solda que você deve levar em consideração ao escolher esta ferramenta, como a sua potência, tipo e temperatura.

Sua seleção depende do objetivo pretendido do ferro de solda e você deve considerá-lo antes de fazer sua escolha final.

A lista abaixo te ajudará a entender melhor sobre cada um desses parâmetros e a visualizar qual se encaixa melhor nas suas necessidades!

Tipo de ferro de solda: lápis ou pistola

Os ferros de solda possuem dois tipos principais: lápis ou pistola. Normalmente, os ferros do tipo lápis são mais comuns, e oferecem uma variedade maior de aplicação. Por isso, são ideais para soldar tanto componentes mais densos, como os mais delicados.

Os ferros de solda pistola se destacam por conta de aquecerem muito rápido e por possuírem um formato prático para alguns serviços específicos. Entretanto, são um tipo mais pesado.

Por isso, não são bons para trabalhar com componentes mais delicados. Se a sua intenção for usar em instalações elétricas ou soldar chassis, esse é o tipo ideal para você!

No entanto, também podemos encontrar os tipos machadinha e pinça, ideais para usos específicos e para profissionais.

Existem também ferros de solda por ar quente. Porém, são feitos para usuários profissionais, avançados. Principalmente para soldagem de dispositivos montados na superfície, como grandes circuitos integrados com conectores localizados na superfície.

Assim, você deve ter em mente que as pistolas de solda esquentam mais rápido que os lápis de solda, mas se você precisar de uma ferramenta mais precisa, escolha o lápis. O modelo ideal para você irá depender muito do tipo de trabalho que irá realizar.

Certificação INMETRO

Mesmo sendo equipamentos simples e fáceis de utilizar, os ferros de soldar também passam por testes e aprovações, para garantir que serão capazes de operar com os altos níveis de calor.

Por isso, nunca compre uma opção não certificada pelo INMETRO. Essa certificação garante que o produto possui um controle de qualidade rigoroso, e que é plenamente capaz de garantir a segurança do usuário.

Potência do ferro de solda

A potência do seu ferro de solda é extremamente importante. E você deve avaliar de acordo com a finalidade de uso do seu equipamento.

Bom, a maioria dos modelos de ferros de solda estão entre 20 watts e 60 watts, sendo muito utilizados na área da eletrônica.

Os ferros com potência de 40 watts, por sua vez, são muito comuns e fornecem calor suficiente para a maioria dos trabalhos de solda feitos em placas de circuito.

Portanto, para questões mais básicas e delicadas, os ferros de soldar com maior potência entre 40 watts e 60 watts são as melhores opções.

Um ferro de solta muito potente pode estragar componentes delicados. Por isso, para esse tipo de material os modelos com até 50 watts são mais recomendados.

Se, por outro lado, você estiver lidando com componentes mais pesados, os considerados de médio porte, os modelos com cerca de 70 watts podem dar conta do recado. 

Por fim, se o seu uso será em componentes mais robustos, opte por modelos de ferro de solda com cerca de 100 watts.

Temperatura máxima

Um ferro de solda precisa de energia suficiente para aquecer as peças até um certo ponto de fusão da solda aplicada. O estanho, usado na eletrônica como solda, derrete a temperaturas de aproximadamente 180°C a 230°C – dependendo dos aditivos da liga.

As soldas sem chumbo derretem em uma faixa de temperatura de aproximadamente 210°C a 230°C. Isto significa que seu ferro de solda deve aquecer o componente pelo menos até esta temperatura.

Outro ponto importante é que a temperatura de um ferro de solda está diretamente relacionada com a sua potência, de modo que os modelos mais potentes são os que chegam às maiores temperaturas.

Na maioria dos modelos e opções de ferros de solda disponíveis no mercado, a temperatura varia entre 300 ºC e 550 ºC.

No momento da escolha, tenha em mente que as opções com maiores temperaturas são indicadas para uso pesado, como instalações elétricas. Caso você vá utilizar o seu ferro em componentes delicados, não precisa se preocupar em comprar um com temperaturas tão altas.

Além disso, as temperaturas dos ferros de solda podem várias em 2 tipos:

  1. Ferros de solda sem controle de temperatura: são aquelas opções mais baratas e são muito adequados para trabalhos de solda doméstica e uso mais informal do produto.
  2. Ferros de solda com controle de temperatura: te permitem controlar a temperatura da ponta do ferro e esta se mantém estável o tempo todo! São opções mais caras, mas ótimas para uso profissional.

Assim, basta você analisar as suas necessidades e pensar quais dessas opções e qual temperatura você precisará para realizar o seu trabalho!

Tipo de ponta

Outro ponto que você deve levar em consideração no momento da escolha do seu ferro de solda é a agulha. A ponta de solda – o elemento quente no final do ferro de solda – é uma parte do ferro que é responsável pela transferência de energia térmica para a peça soldada.

Hoje, você pode encontrar vários modelos de agulhas diferentes, que possuem diferentes materiais e são úteis para diferentes finalidades.

No geral, existem três tipos principais de agulhas:

  1. Agulha: esse modelo é o preferido para trabalhos mais delicados, que envolvem maior concentração e componentes mais sensíveis. Portanto, são úteis para trabalhos como soldagem de transistores e capacitores.
  2. Cônica: é um dos formatos mais comuns, lembrando muito o formato da ponta de um lápis. Esse modelo é bom para ser utilizado tanto em componentes mais delicados como em componentes mais robustos, sendo um ótimo meio termo caso você queira uma ferramenta “faz tudo”.
  3. Fenda: esse modelo você irá encontrar, principalmente, nos modelos de ferro de solda mais potentes. Isso porque esse tipo de ponta foi pensado para facilitar o trabalho com componentes de médio e grande porte, como os fios elétricos. Dentro dessa categoria, você consegue encontrar as pontas de fenda com formato curvo ou reto.

Portanto, avalie bem a finalidade do seu ferro de solda para saber qual tipo de ponta funcionará melhor pra você!

Outra questão é que, na maioria das vezes, a ponta é uma peça removível e que pode ser comprada individualmente. Por ser o ponto de transferência de energia, essa peça se desgasta muito facilmente.

Então, ao comprar um ferro de solda, certifique-se de que as pontas de solda correspondentes sejam fáceis de comprar e substituir. Desta forma, em caso de dano a este componente, será possível substituí-lo sem qualquer problema.

Voltagem

Os ferros de solda são equipamentos elétricos e, portanto, a questão da voltagem merece atenção no momento de compra.

Primeiro que, no caso dos ferros de solda, os modelos com opção bivolt são muito raros. Assim, atente-se se, para você, é ideal comprar um modelo com potência 110 volts ou um modelo de 220 volts.

Fora isso, na maioria dos modelos você consegue encontrar o mesmo modelo nas duas voltagens!

Assim, dê uma pesquisada antes, caso você ainda não saiba, na potência da sua localidade, já que ligar esse equipamento em uma voltagem diferente da indicada poderá danificar o equipamento de forma permanente.

Acessórios inclusos

Por fim, mas não menos importante, você poderá encontrar no mercado ferros de solda acompanhados de acessórios auxiliares.

Embora isto não deva ditar a escolha do equipamento em si, é bom garantir que o conjunto adquirido inclua um suporte estável no qual se possa colocar o ferro de solda e um limpador de pontas. Entretanto, você também pode adquiri-los separadamente.

Assim, é bem válido analisar os acessórios inclusos nos modelos que você está considerando comprar antes de decidir por qual optar.

Além do suporte – que é o acessório básico, você ainda pode encontrar modelos com capas protetoras para armazenamento e transporte do equipamento com segurança e com rolos de estanho para solda!

Review dos 6 Melhores Ferros de Solda de 2021

Agora que você já aprendeu sobre as principais características que um ferro de solda pode ter, separamos uma lista com os 6 melhores modelos para te ajudar a escolher o seu ferro de solda ideal! Confira abaixo:

1

Melhor Escolha

Ferro de Soldar Foxlux – 127V – 60Wv

Características:

  • Marca: FOXLUX
  • Voltagem: 110 volts
  • Peso: 0.15 gramas
  • Dimensões: 4 x 29.7 x 7.5 cm

A primeira opção de ferro de solda é o modelo Ferro de Soldar da Foxlux, 127V e 60W. O equipamento possui uma ponteira rosqueável de aço inox e cabo emborrachado, além de um eficiente sistema para dissipação do calor.

As principais características desse modelo é a ponteira rosqueável de aço inox, dissipador de calor eficiente, resistência de níquel-cromo e cabo normatizado de acordo com o padrão Nbr 13249.

Esse é um modelo muito eficiente e indicado para elétrica e eletrônica, fabricado em materiais muito resistentes e de alta durabilidade, cabo confortável e seguro, testado e aprovado e possui um cabo elétrico com comprimento de 1 metro.

Dentro da caixa você encontrará: um ferro de solda profissional Foxlux 40W e um suporte de apoio.

Confira o preço

2

Custo Benefício

FERRO DE SOLDA 40 POWER 34W 127V

Características:

  • Marca: HIKARI
  • Voltagem: 110 volts
  • Peso: 410 gramas
  • Dimensões: 30 x 11 x 4 centímetros

Nossa segunda opção é o FERRO DE SOLDA 40 POWER 34W 127V da marca Hikari. Esse modelo proporciona maior durabilidade e resistência por possuir resistência de mica e ponta de longa durabilidade, tratada com ferro e alumínio.
 
O modelo Power 40, de 34W, consegue atingir uma temperatura máxima de 450ºC, possui um conjunto de resistência e tubo metálico substituível, ponta de fácil reposição e a troca da ponta e resistência com apenas dois parafusos, PTB anti chama que esquenta menos a empunhadura e dupla isolação que protege contra choques.
 
Além disso, tem tubo ventilador que permite dissipar o calor com facilidade e é um produto certificado pelo INMETRO, com garantia de 3 meses.
 
Uma observação a se fazer é que, ao ligar o equipamento pela primeira vez, estanhe a extremidade da ponta e estanhe a ponta todas as vezes que desligar o ferro para evitar oxidação. Este procedimento vai te ajudar a aumentar consideravelmente a vida útil da ponta.

Confira o preço

3

padrao

Ferro de Solda, Hikari, Prata

Características:

  • Marca: HIKARI
  • Voltagem: 110 volts
  • Peso: 140 gramas
  • Dimensões: 0.01 x 0.03 x 0.3 cm

O ferro de solda Hikari Prata Plus SC-60 possui um conjunto de resistência de mica e tubo metálico substituível, ponta de longa durabilidade tratada com ferro e alumínio, baixo consumo de energia, aquecimento rápido e potência de consumo de 50W, conseguindo atingir um máximo de 510ºC!

O produto é desenvolvido seguindo rígidos padrões de qualidade, oferecendo segurança no uso e maior comodidade. É um ótimo equipamento para consertos de eletrônicos. Ele possui manopla com material isolante para evitar possíveis acidentes e choques, além de ter um cabo de força de acordo com o novo padrão brasileiro e base em metal para suporte.

Para maior durabilidade da ponta, a Hikari a projetou com um tratamento de ligas de ferro e alumínio, podendo ser substituída, assim como o tubo metálico, prolongando a vida útil do equipamento.

Confira o preço

4

padrao

Tramontina 43752506, Ferro de Solda Tensão 127 V Potencia 70W, Preto

Características:

  • Marca: Tramontina
  • Voltagem: 127 volts
  • Peso: 30 gramas
  • Dimensões: 29 x 3.2 x 0.7 cm

O modelo de ferro de soldar da Tramontina 43752506 é garantia de praticidade e conforto! Ele possui potência de 70 watts e empunhadura plástica e confortável para o uso no dia a dia.

O equipamento é ideal para soldar equipamentos como placas eletrônicas. Possui haste e ponteira em metal e o cabo em plástico, dando uma ótima usabilidade para o produto. Além disso, é uma ferramenta utilitária para as tarefas cotidianas e possui certificação pelo Inmetro.

O ferro possui cabo elétrico de 1 metro e um suporte de metal para descanso e um manual de instruções acompanham o produto.

Confira o preço

5

padrao

FERRO DE SOLDA 60 POWER 50W 127V

Características:

  • Marca: HIKARI
  • Voltagem: 110 volts
  • Peso: 140 gramas
  • Dimensões: 21 x 11 x 29.5 cm

Assim como a maioria dos modelos de ferro de soldar da Hikari, o modelo de ferro de solda 60 Power 50W possui fácil reposição, com troca da ponta e resistência através de apenas dois parafusos.

Além disso, possui tubo ventilado que dissipa o calor, garantindo maior durabilidade da resistência. O produto é certificado pelo INMETRO e tem dupla isolação, protegendo contra choques e possíveis acidentes.

A sua potência é de 50W com temperatura máxima de 510°C. Ele tem apenas 160 gramas, sendo bem leve para manusear e possibilitando trabalhar com materiais mais delicados.

Fora isso, tem um conjunto de resistência e tubo metálico substituível, resistência de mica e ponta de longa durabilidade tratada com ferro e alumínio.

Confira o preço

6

padrao

Ferro de Solda 34W 110V, Hikari, SC40P Plus, Prata

Características:

  • Marca: HIKARI
  • Voltagem: 110 volts
  • Peso: 160 g
  • Dimensões: 0.11 x 0.03 x 0.3 cmv

Por fim, temos mais um modelo Hikari, dessa vez é o Ferro de Solda SC40P Plus 34W 110V. Esse modelo também possui resistência de mica e ponta de longa durabilidade, tratada com ferro e alumínio, mantendo a linha de qualidade e segurança oferecida pela Hikari em todos os seus produtos.

O modelo proporciona menor consumo de energia, aquecimento rápido, potência de consumo de 34W, temperatura máxima de 410°C, tensão de alimentação tanto no 110v como no 220v.

Acompanha suporte para ferro e tem conjunto de resistência e tubo metálico substituível. Pesando apenas 160 gramas, é o ferro de soldar perfeito para quem quer tanto mobilidade como qualidade e versatilidade no uso!

Confira o preço

Qual o Melhor Ferro de Solda?

Se você quer apostar na melhor opção disponível, então o seu modelo ideal é o Ferro de Soldar Foxlux – 127V – 60W – Resistência de níquel-cromo – Cabo e plugue normatizado – Acompanha suporte, o nosso primeiro produto da lista!

Essa opção de ferro de solda da Foxlux é perfeita para profissionais ou estudantes das áreas de elétrica e eletrônica, sendo ideal tanto para profissionais como para novatos no assunto.

O equipamento possui ponteira rosqueável de aço inox, cabo emborrachado e um sistema para dissipação do calor. Além disso, possui resistência de níquel-cromo, aumentando a durabilidade do seu equipamento.

Por ser feito em materiais muito resistentes e de alta durabilidade, você tem como garantia que não comprará um produto apenas com qualidade, mas que possui uma longa vida útil também.

Principalmente porque as pontas podem ser substituídas! Você terá à disposição 60W de potência e um cabo confortável e seguro, testado e aprovado e com comprimento de 1 metro!

Portanto, independente do seu nível de conhecimento sobre esse produto, o modelo é perfeito para você e muito versátil, valendo a pena investir!

Melhor Ferro de Solda Custo Benefício

Agora, se você está procurando pela melhor opção custo-benefício, aposte no modelo 40 POWER 34W 127V, da marca Hikari!

Com ele, você terá maior durabilidade e resistência. Principalmente por ele possuir resistência de mica, e ponta com uma tecnologia de longa durabilidade, cujo tratamento é com ferro e alumínio no processo de produção. 

O modelo Power 40, de 34W, consegue atingir uma temperatura de 450ºC e possui tubo metálico substituível e ponta de fácil reposição, sendo possível comprar as pontas.

Além disso, PTB anti chama que esquenta menos a empunhadura e dupla isolação que protege contra choques e eventuais acidentes durante o uso.

O tubo ventilador que possui permite dissipar o calor com facilidade, fator esse que também prolonga a vida útil do produto.

Portanto, se você procura por uma opção versátil, que te sirva para diferentes tipos de trabalho e por um preço super acessível, esse é o modelo perfeito para você!

Qual a Melhor Marca de Ferro de Solda?

A Tramontina é uma das empresas que mais se destacam nesse segmento de mercado e é uma das principais metalúrgicas do Brasil. A fundação da marca se deu em 1911, e tem a sua sede no estado do Rio Grande do Sul.

Hoje, a Tramontina é vista como uma marca que busca se manter no mais alto patamar e referência em qualidade e em inovação, trabalhando sempre com um pilar principal nas relações íntegras e nos valores humanos.

A sua proposta é oferecer uma loja conceito aos seus clientes, planejada para atender clientes especiais que buscam estilo e sofisticação para fazer bonito sempre. Ela possui uma gama de produtos gigante, oferecendo tudo o que você precisa para a sua casa com muita qualidade.

Tem como missão Fazer bem feito para inspirar o dia a dia das pessoas e estimular experiências com significado, gerando valor e satisfação para clientes, consumidores, funcionários, acionistas e comunidades.

Para isso, procura sempre melhorar e se tornar a indústria brasileira líder em satisfação dos consumidores por entregar as melhores soluções para o dia a dia.

Deixe um comentário